6 de November, 2015

Coloque desenhos de rostos de pessoas nos produtos e surpreenda-se com o resultado das vendas

Vender mais é o desafio de todo empreendedor e é aí que a criatividade do brasileiro pode fazer a diferença. Há estudos que mostram ações inusitadas que você nem imagina que possam funcionar para o seu negócio e que podem trazer um bom retorno.

Um desses estudos, realizado por um grupo liderado pela pesquisadora Julia D. Hur da Northwestern University, mostrou que as pessoas se sentem bem ao comerem biscoitos que tenham o desenho de uma face na superfície.

No experimento, pessoas que estavam em dieta sentiram-se mais à vontade ou com menos conflito interno quando lhes foi oferecido um biscoito com o desenho que lembrava um rosto, com olhos e boca.

A comparação foi feita ao serem oferecidos biscoitos sem nenhum desenho que lembrava o rosto de uma pessoa. Nesse caso, os participantes ficaram menos inclinados a comer o biscoito.

Segundo os pesquisadores, isso não significa que as pessoas gostam mais de comer algo antropomorfizado (que parece humanizado). Na verdade, as pessoas sentem-se menos responsáveis ao escolher comer tais biscoitos, mas as razões para isso ainda não são claras.

De prático, o que pode ser aproveitado da pesquisa para os empreendedores, principalmente os que atuam no ramo alimentício, é usar a criatividade para deixar seus produtos mais interessantes visualmente, despertando a curiosidade dos clientes.

Isso pode ser feito não só com biscoitos, pois a tese provada foi que as pessoas comem mais se houver o desenho de uma face no biscoito. E de fato isso já ocorreu em outras ocasiões.

A gigante P&G já desenvolveu um projeto no passado no qual colocava desenhos de rostos de artistas famosos sobre as batatas Pringles. O resultado foi aumento nas vendas.

Mesmo não sabendo a causa que faz tal ação aumentar as vendas, se você é empreendedor poderia testar no seu negócio tais estratégias. Lembre-se que não há a necessidade de ter o desenho de alguém famoso, mas apenas que lembre rostos de pessoas.

Um projeto piloto poderia ser feito em padarias, confeitarias, sorveterias, lojas de doces, brigadeiro etc. E o investimento para efetivar tal iniciativa é aparentemente pequeno, dependendo do seu negócio.

O risco parece também ser pequeno, pois não foram relatados depoimentos de pessoas contrariando a iniciativa ou menos inclinadas a comer os produtos pelo fato de ter desenhos de rostos de outras pessoas ou algo que assemelhe rostos na superfície.

Os retornos aparentes relatados pelos pesquisadores mostram que o investimento compensa, mas você só saberá quanto poderá vender a mais dando o próximo passo. Que tal tentar?

Categorias: [ Comportamento ] [ Estratégia ] [ Inovação. ] [ Marketing ]

Comentário

Dr. José Dornelas

Empreendedor, palestrante e autor de livros best-seller.

[ veja a biografia ]

Meus Livros

Clique em cada livro para saber mais, degustar e comprar.

  • Empreendedorismo - 7ª Edição Revista e Ampliada Empreendedorismo - 7ª edição
    Transformando ideias em negócios. [+]
  • Plano de negócios com o modelo Canvas Introdução ao empreende- dorismo - 1ª edição
    Ludismo, jogos e empoderamento empreendedor. [+]
  • Plano de negócios, seu guia definitivo Plano de negócios, seu guia definitivo - 2ª edição
    Como planejar e criar um negócio de sucesso. [+]
  • Plano de negócios com o modelo Canvas Plano de negócios com o modelo Canvas
    Guia prático de avaliação de ideias a partir de exemplos. [+]
  • Empreendedorismo na Prática Empreendedorismo na prática - 3ª edição
    Mitos e verdades do empreendedor de sucesso. [+]
  • Empreendedorismo corporativoEmpreendedorismo corporativo - 3ª edição
    Como ser empreendedor, inovar e se diferenciar na sua empresa. [+]
  • Meus Outros Livros
Produzido por Webcore